Dia do Enfermeiro – Entrevista com Felipe Santos

Categoria: Central de Conteúdo - Postador por: Comunicação IUPV - Data: 12 de maio de 2021

No Brasil, o dia 12 de maio marca a passagem do Dia do Enfermeiro, profissional que integra a equipe multidisciplinar de tratamento para a fibrose cística e que nós, do Unidos pela Vida – Instituto Brasileiro de Atenção à Fibrose Cística, admiramos muito. 

Para homenagear todos os profissionais da enfermagem, em especial os que atuam ao lado das pessoas com fibrose cística e seus familiares, entrevistamos o Felipe Santos, formado em enfermagem e diagnosticado com fibrose cística. Ele afirma que a possibilidade de ajudar pessoas todos os dias foi o que aumentou seu interesse pela profissão.

“Eu acredito que cuidar das pessoas com toda a dedicação e respeito é algo muito importante. Todas merecem um cuidado especial e enxerguei na enfermagem uma profissão que me permitiria alcançar esse objetivo. Resolvi fazer o curso e todo o processo foi muito gratificante. Amei estudar a área, atuar como enfermeiro e trabalhei muito para chegar ao topo e alcançar tudo que buscava.”

Por ter fibrose cística, é muito comum que Felipe receba questionamentos de pessoas com a doença e familiares sobre como foi adequar sua rotina de tratamento com a profissional. Ele afirma que nunca teve dificuldade e a fibrose cística não o impediu de completar suas metas dentro da área da enfermagem.

“Eu trabalhei na Unidade de Terapia Intensiva (UTI), no SAMU e sempre pude exercer muito bem minha profissão. Em alguns lugares, a única dificuldade que surgiu era a falta de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs), mas sempre tive apoio da empresa para solucionar essa questão. Com o passar do tempo fui crescendo profissionalmente, fui me adequando ao espaço de trabalho e adquiri muito conhecimento. Comecei como estagiário, passei por todas as etapas da profissão e cheguei a ocupar o cargo de gerente técnico de uma grande empresa. Atualmente estudo Medicina, mais um grande desafio na minha vida.”

Para Felipe, o enfermeiro é um profissional fundamental dentro da equipe multidisciplinar de tratamento para a fibrose cística, atuando na abertura das portas para o início do tratamento para a doença junto com a família.

O profissional da enfermagem é essencial no cenário da fibrose cística, realizando um elo entre a pessoa com a doença, seus familiares e o tratamento adequado. Ele atua ao lado da equipe para garantir que tudo aconteça da melhor maneira possível e todos os resultados esperados com cada etapa do tratamento sejam alcançados. Na minha jornada dentro da profissão já vivi diversos momentos marcantes, mas acredito que o principal deles tenha acontecido em 2015, durante um congresso internacional. Fui palestrante neste evento e pude falar sobre minha experiência na área e sobre os cuidados na transição da pediatria para o centro de tratamento adulto. Foi muito emocionante para mim poder falar como pessoa com fibrose cística e também como profissional da saúde.”

Para todas as pessoas que sonham ou já estão batalhando para alcançar o objetivo de trabalhar na área da enfermagem, Felipe deixa a seguinte mensagem:

Não desista nunca dos seus sonhos e das pessoas que atende. Nesta jornada precisamos ter foco, tranquilidade e muito cuidado com a saúde, tanto nossa quanto das pessoas que atendemos. Para todos os profissionais da área da saúde, gostaria de dizer que nós, que nos dedicamos às pessoas, devemos ser gratos por estarmos nesta posição, pois o ato de servir é muito importante e relevante na sociedade. E para as pessoas com fibrose cística, gostaria de dizer que toda a minha experiência me mostrou que podemos chegar onde quisermos desde que a gente siga todos os cuidados com a nossa saúde e com a saúde do outro.”

O Unidos pela Vida parabeniza e agradece todos os profissionais da saúde, em especial aos enfermeiros e enfermeiras, por toda a dedicação e trabalho que realizam todos os dias.

Por Kamila Vintureli

Nota importante: As informações aqui contidas tem cunho estritamente educacional. Em hipótese alguma pretendem substituir a consulta médica, a realização de exames e ou, o tratamento médico. Em caso de dúvidas fale com seu médico, ele poderá esclarecer todas as suas perguntas.

Você vai gostar também...

Newsletter

Assine o nosso boletim informativo mensal. Clique aqui