ACAM-SC realiza transmissões ao vivo com pessoas com Fibrose Cística e familiares

Categoria: Associações de Fibrose Cística - Postador por: Comunicação IUPV - Data: 08 de julho de 2020

Por conta da pandemia causada pela Covid-19, muitas pessoas em todo o Brasil seguem em isolamento social para se proteger da contaminação pelo vírus. Já são quatro meses em casa e as opções de entretenimento e diversão estão cada vez mais reduzidas. 

Pensando nisso, a Associação Catarinense de Assistência ao Mucoviscidótico (ACAM-SC) resolveu dar uma nova opção de conteúdo para pessoas com Fibrose Cística, familiares e demais interessados, realizando transmissões ao vivo na página oficial da associação no Instagram. Clique aqui e siga o perfil agora mesmo para não perder nenhuma novidade!

A primeira transmissão aconteceu no dia 01 de julho de 2020 e teve a temática “Lutando pela Vida”, com a participação da incrível Patrícia de Andrade Machado, diagnosticada com Fibrose Cística, e da assistente social da ACAM-SC, Hingridy Salm Loch.

De acordo com o presidente da ACAM-SC, Alcione Donisete Mota, a associação segue trabalhando para compartilhar histórias e conteúdos de qualidade para as pessoas com Fibrose Cística e seus familiares de Santa Catarina e de todo o Brasil.

“Com as transmissões ao vivo buscamos compartilhar histórias inspiradoras e mostrar para o nosso público um pouco da vida e da luta desses guerreiros de fibra. A ideia é fazer com que essas ações se tornem rotina na associação, principalmente agora, durante a pandemia”, afirmou Alcione.

Transmissões

Caso você tenha perdido a transmissão com a Patrícia, não se preocupe! Clicando aqui você pode conferir o bate-papo na íntegra! E a próxima live acontecerá no dia 08 de julho de 2020, às 20h30, também na página do Instagram da ACAM-SC. A temática da transmissão será “A importância da família no tratamento da Fibrose Cística” e contará com a participação da Débora Ferreira, mãe de fibra do Igor. Não perca!

Por Kamila Vintureli

Nota importante: As informações aqui contidas tem cunho estritamente educacional. Em hipótese alguma pretendem substituir a consulta médica, a realização de exames e ou, o tratamento médico. Em caso de dúvidas fale com seu médico, ele poderá esclarecer todas as suas perguntas.

Você vai gostar também...

Newsletter

Assine o nosso boletim informativo mensal. Clique aqui