Dia 23 – Valéria Teixeira | #30DiasdeFibra

Categoria: Depoimentos - Postador por: Comunicação IUPV - Data: 23 de setembro de 2019

Eu me chamo Valéria Teixeira de Freitas, moro em Vargem Grande do Sul, no interior do estado de São Paulo, e sou a mãe de fibra do Vicente. Meu salgadinho tem 1 ano e 6 meses e foi diagnosticado com Fibrose Cística quando tinha 5 meses. 

Antes de receber o diagnóstico, eu nunca tinha ouvido falar sobre a doença. Na época, a sensação foi como se meu mundo tivesse desabado. Vicente é meu único filho e eu só encontrava notícias ruins sobre a Fibrose Cística. Sofri muito e confesso que até hoje sofro um pouco, mas agora ele está bem, com a saúde estabilizada e eu consegui aceitar melhor tudo que aconteceu.

A equipe médica que cuida do Vicente me ajudou muito e eu sempre busco ler sobre o assunto, participo de grupos, pergunto e busco sempre estar bem informada. Também gosto de ler os depoimentos e informações postados pelo Unidos pela Vida, pois sempre acrescentam muito ao meu conhecimento sobre a doença.

Confesso que não gosto muito de imaginar o futuro e procuro sempre viver um dia de cada vez, sempre pedindo para Deus que a cura seja descoberta. Nosso único plano é fazer o tratamento corretamente e tentar ajudá-lo para que tenha a vida mais normal possível. Para mim, ser mãe de fibra é aprender a lidar com o medo, é estar sempre preparada para auxiliá-lo em qualquer circunstância. Estamos sempre juntos, para o que der e vier.

Agora o Vicente é a minha vida e a Fibrose Cística é apenas parte do que somos, não o limite do que podemos ser.

Nota importante: As informações aqui contidas tem cunho estritamente educacional. Em hipótese alguma pretendem substituir a consulta médica, a realização de exames e ou, o tratamento médico. Em caso de dúvidas fale com seu médico, ele poderá esclarecer todas as suas perguntas.

Você vai gostar também...

Newsletter

Assine o nosso boletim informativo mensal. Clique aqui