Eva Markvoort – "65_RedRoses"

Categoria: Notícias - Postador por: Instituto Unidos pela Vida - Data: 01 de abril de 2010

Na manhã do dia 27 de Março faleceu Eva Markvoort, de 25 anos, no Canadá, editora do blog “65_RedRoses“. (Em inglês).

Para todos nós, pessoas de fibra, que estamos atentos à todas as novidades sobre Fibrose Cística no mundo virtual, a notícia do falecimento de uma pessoa também portadora de Fibrose Cística pode soar como “assustador”. E é absolutamente natural. Contudo, é nessas horas que precisamos parar e celebrar a vida. Celebrar a nossa vida, a vida da Eva que foi “bem vivida” como ela mesma dizia em seus textos, e ao tratamento que nos é permitido.

O caso de Eva era peculiar, diferente, assim como o de cada um de nós. Falo por mim também, pois sou uma “mulher de fibra” e também admito meu frio na barriga ao ler a reportagem, afinal ninguém é de ferro. Ela teve uma rejeição do organismo após um transplante, entre outras complicações, e seu falecimento não seu deu somente em virtude da Fibrose Cística. Eva criou um blog em 2006 onde publicava informações sobre a doença e muitos textos de amor. Foi homenageada por Instituições de Fibrose Cística, reconhecida por Universidades, e viveu feliz todos seus dias, mesmo no hospital, ou em casa com oxigênio.

Escrevo apenas para que, de uma forma ou de outra, dediquemos alguns minutos do nosso dia para agradecer tudo o que temos, o dia que estamos vivendo, enfim, a VIDA. Eva dizia“acho que sou muito afortunada, porque eu amei mais do que vocês poderiam pensar, mais do que vocês poderiam imaginar, então eu estou celebrando a minha vida”.

Eva se foi, assim como todos nós iremos, e esta é a única certeza de nossas vidas, independente da religião. Porém, ainda temos a opção de escolher a forma pela qualviveremos o AGORA, o dia de HOJE. O amanhã ao destino pertence, ou ao Ser superior à quem você acredite.

Um beijo carinhoso,

Verônica.

Nota importante: As informações aqui contidas tem cunho estritamente educacional. Em hipótese alguma pretendem substituir a consulta médica, a realização de exames e ou, o tratamento médico. Em caso de dúvidas fale com seu médico, ele poderá esclarecer todas as suas perguntas.

Newsletter

Assine o nosso boletim informativo mensal. Clique aqui