Teste do Pezinho é obrigatório para todos os recém-nascidos brasileiros

Comunicação IUPV - 27/05/2022 11:42

Você sabia que o Teste do Pezinho é um exame gratuito e obrigatório para todos os recém-nascidos brasileiros? Este exame faz parte do Programa de Triagem Neonatal do Ministério da Saúde e todos os Estados do País estão credenciados para realizá-lo.

Por isso, após o nascimento do seu filho, exija que o Teste do Pezinho seja feito. Ele é um direito dos pais e da criança e o período ideal para sua realização é entre o 3º e 7º dia de vida do bebê.

Por que devo realizar o Teste do Pezinho?

A realização do Teste do Pezinho é importante pois ele atua na triagem e acompanhamento de seis doenças: fibrose cística, hiperplasia adrenal congênita, deficiência da biotinidase, anemia falciforme, hipotireoidismo congênito e fenilcetonúria.

Infelizmente, é comum que os pais tenham receio em relação à realização do exame. Muitas pessoas se perguntam se ele causará muita dor ou se o filho sofrerá, mas não é preciso se preocupar.

Apesar de ser comum que os bebês chorem durante a realização do Teste do Pezinho, o exame não trará nenhum prejuízo para a saúde do seu filho, pelo contrário, garantirá que ele terá um diagnóstico precoce e acesso rápido ao tratamento adequado, caso alguma doença seja identificada.

Onde posso realizar o Teste do Pezinho?

O Teste do Pezinho pode ser feito nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) de todo o Brasil, além de maternidades e hospitais credenciados. Ele é executado por meio da coleta de algumas gotas de sangue do calcanhar do recém-nascido, um procedimento simples, rápido e que pode fazer a diferença na vida do seu filho.

É importante lembrar que, mesmo com a sanção do Projeto de Lei (PL) 5043/20, que amplia o número de doenças triadas pelo exame – que passará a identificar 14 grupos de patologias de maneira escalonada -, o Teste do Pezinho em sua forma ampliada ainda não está completamente disponível no Sistema Único de Saúde (SUS).

Por enquanto, ele segue sendo oferecido em hospitais e maternidades particulares do Brasil e há custo para a sua realização. Por isso, caso tenha interesse em fazê-lo, informe-se na maternidade sobre valores e cobertura do seu plano de saúde.

Então não se esqueça: exija a realização do Teste do Pezinho no seu filho entre o seu 3º e 7º dia de vida. Ele é um direito que poderá mudar o futuro do seu bebê. Aproveite para compartilhar essas informações entre seus amigos e familiares. Quanto mais pessoas souberem sobre a importância do Teste do Pezinho, mais vidas poderão ser impactadas positivamente em todo o Brasil!

Quer fortalecer o trabalho realizado pelo Unidos pela Vida? Clique aqui e escolha a melhor forma de fazer uma doação.

Por Kamila Vintureli

Referências:

https://www12.senado.leg.br/noticias/materias/2021/05/27/sancionada-lei-que-amplia-doencas-rastreadas-em-teste-do-pezinho-do-sus

https://bvsms.saude.gov.br/06-6-dia-nacional-do-teste-do-pezinho-4/ 

Nota importante: As informações aqui contidas têm cunho estritamente educacional. Em hipótese alguma pretendem substituir a consulta médica, a realização de exames e/ou o tratamento médico. Em caso de dúvidas, fale com seu médico.

Fale conosco