Depoimento – Wesley Daniel de Souza

Categoria: Central de Conteúdo - Postador por: Comunicação IUPV - Data: 07 de julho de 2020

O Unidos pela Vida – Instituto Brasileiro de Atenção à Fibrose Cística compartilha agora a história do Wesley Daniel de Souza. Ele mora em Hortolândia, no estado de São Paulo, e é o pai de fibra da Elisa, que completou 1 ano de vida em maio de 2020.

O diagnóstico começou com a triagem feita logo nos primeiros dias de vida da Elisa, por meio do Teste do Pezinho. Após essa indicação, a família foi encaminhada para o Hospital de Clínicas de São Paulo para a realização do Teste do Suor, exame que confirmou o diagnóstico para a Fibrose Cística.

“Não tínhamos conhecimento nenhum sobre a Fibrose Cística até recebermos o diagnóstico da Elisa. Felizmente, recebemos todo o apoio a equipe da maternidade e também da Sociedade de Assistência à Fibrose Cística (Fibrocis), entidade que auxilia pessoas com Fibrose Cística e familiares da região. Eles nos deram todo o suporte e informações sobre a doença para que a gente começasse a entender melhor sobre essa nova realidade. Além disso, também acompanho muito as páginas e conteúdos publicados pelo Unidos pela Vida. Busco sempre ler tudo que posso sobre o assunto e me manter bem informado”, afirmou Wesley.

Desde que o diagnóstico foi confirmado, a Elisa realiza o acompanhamento e tratamento para a Fibrose Cística no Hospital de Clínicas da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp).

“A Fibrocis e o pessoal da maternidade nos ajudaram com esse processo de encaminhamento para o início do tratamento, além de nos darem todo o apoio possível naquele momento difícil em que recebemos a notícia. Com todo esse suporte e informações, fui ficando mais calmo e passei a encarar a situação com mais clareza”, relembrou.

Com o início do tratamento, a Elisa foi se recuperando e ficando cada dia mais saudável. Toda a família se esforça muito para que todas as recomendações da equipe médica sejam seguidas da melhor maneira possível, sempre visando o melhor para a saúde dessa linda salgadinha.

“Hoje em dia a Elisa ainda tosse, mas bem pouco. No início ela fazia inalação, mas agora não precisa mais. Ela segue com o uso das enzimas e, com o tratamento, está ganhando peso normalmente, crescendo e se desenvolvendo cada dia mais. Nossa família se esforçou muito para mudar os hábitos e adaptar a rotina para cuidar da Elisa. Temos muito cuidado com a poeira na casa, por isso mantemos tudo sempre muito limpo. Também cuidamos bastante da alimentação e evitamos alimentos com condimentos. Os cuidados são redobrados para que a Elisa esteja sempre bem e com saúde. Vê-la cada dia melhor e crescendo faz tudo valer a pena”, afirmou Wesley.

Essa família de fibra sempre foi ligada às causas sociais ligadas à reciclagem e ao meio ambiente. E agora, com o diagnóstico da Elisa para Fibrose Cística, todos se uniram para ajudar também na associação de assistência de Campinas, Fibrocis.

“Eu me considero um privilegiado. Deus quis que eu cuidasse da Elisa, Ele a colocou em nossas vidas. Por isso, eu e minha esposa cuidamos da nossa salgadinha com muito amor e dedicação. Ajuda na associação e considero o meu papel de pai de fibra como uma verdadeira missão feita para que eu ajude outros pais, outras famílias, pois estarmos juntos facilita tudo. A união faz a força e ser pai de fibra significa ser um homem escolhido por Deus para cuidar da minha filha, ajudar outras pessoas e não medir esforços para vê-la sempre bem e feliz”.

E para todos os pais e familiares de fibra do Brasil, o Wesley deixa uma linda mensagem cheia de amor e esperança!

“Quero dizer aos pais de fibra que nunca, jamais, desanimem. Seja qual for a situação, seja ainda mais de fibra, seja forte e entregue na mão de Deus. Ele está conosco sempre! Cuidados, carinho e amor é tudo que nossos filhos precisam para que sejam felizes e nós podemos dar tudo isso para eles”, finalizou Wesley.

Nota importante: As informações aqui contidas tem cunho estritamente educacional. Em hipótese alguma pretendem substituir a consulta médica, a realização de exames e ou, o tratamento médico. Em caso de dúvidas fale com seu médico, ele poderá esclarecer todas as suas perguntas.

Você vai gostar também...

Newsletter

Assine o nosso boletim informativo mensal. Clique aqui